• PROJETO RETIRA TRECHO DO JURAMENTO DA POLÍCIA MILITAR

    ..

    A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou nesta quinta-feira (20/12), em segunda discussão, o projeto de lei 2.456/17, que exclui um trecho do juramento feito nas formaturas da Polícia Militar do Estado do Rio (PMERJ). A proposta é eliminar a expressão “mesmo com o sacrifício da própria vida”. O texto seguirá para o governador, que deverá decidir pela sanção ou veto em até 15 dias úteis.Segundo o autor, deputado Paulo Ramos (PDT), a ideia é retirar do juramento a afirmação de que o PM, para o fiel cumprimento do seu trabalho na corporação e para defender a sociedade, deve sacrificar a própria vida. “O risco é inerente à profissão, não o ‘sacrifício’, conceitos inteiramente diferentes. Risco é a probabilidade de perigo, sacrifício é privação”, disse o parlamentar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *